SEFAZ Rio Grande do Sul cria portal unificado de documentos eletrônicos

No novo portal lançado recentemente pela Sefaz Virtual RS (SVRS), os usuários podem utilizar as novidades disponíveis com informação completa dos Documentos Fiscais Eletrônicos.


A secretaria da Fazenda do Rio Grande do Sul que disponibiliza o sistema e o ambiente para emissão de Conhecimento de Transportes CTT-e ,Manifesto de Documentos Fiscais MDF-e e Nota Fiscal do Consumidor NFC-e para a maioria dos Estados brasileiros disponibilizou um novo portal na Internet para direcionar os usuários de serviços relacionados a diversos documentos fiscais eletrônicos.

No novo portal lançado recentemente pela Sefaz Virtual RS (SVRS), os usuários podem utilizar as novidades disponíveis com informação completa dos Documentos Fiscais Eletrônicos.

https://dfe-portal.sefazvirtual.rs.gov.br/

De acordo com o informe da SEFAZ RS, o objetivo da iniciativa é padronizar a apresentação dos serviços disponibilizados pela SVRS, unificando os portais do Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais (MDF-e), do Bilhete de Passagem Eletrônico (BP-e) e do Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e), além de agregar atividades relacionadas a outros documentos.

O usuário vai encontrar também um novo portal temático para o sistema Operador Nacional dos Estados (ONE), responsável pela captura de placas para o registro de passagem dos documentos fiscais.

No portal há muito conteúdo para os contribuintes, entre eles manuais e notas técnicas, schemas XML, avisos, notícias e legislação. Cada documento possui ainda um conjunto de serviços como consultas públicas e restritas (com uso do certificado digital), validação de arquivos XML, endereços dos webservices de todos os ambientes de autorização e respostas a perguntas frequentes.

Em breve, os demais documentos fiscais eletrônicos disponibilizados serão adicionados ao Portal, como a Nota Fiscal Eletrônica (NF-e), a Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica (NFC-e), a Nota Fiscal Eletrônica de Energia Elétrica (NF-3e) e outros serviços. O novo Portal funciona também nos dispositivos móveis e não substitui os Portais Nacionais da NF-e e do CT-e existentes no ambiente do Sistema Público de Escrituração Digital (SPED).